Skip to content


Servidor comissionado ganha poderes para impedir que você saiba o que ele está fazendo

Liberou geral.

Já que acabou a corrupção no Brasil, depois que a dupla Bolsonaro e Mourão assumiu o governo, pra quê essa bobagem de Lei de Acesso à Informação, Portal da Transparência dos Recursos Federais, entre outros penduricalhos com cara de “transparência pública”?

A partir de agora as aves de rapina, que estão entrando no governo porque são amigos do rei, poderão operar tranquilas nos porões do governo, porque bastará uma determinação delas e a informação que deveria ser pública, para a leitura e conhecimento do contribuinte, ganhará caráter de “ultrassecreta”.

Isso é um tapa na cara de quem votou acreditando que estava rompendo com um modelo de governança do país, achando que era pautado por gente corrupta. E esse tapa foi dado por um general, o mesmo que ficou incomodado por causa da exposição pública do filhote, que virou Assessor Especial do presidente do Banco do Brasil com um salário que a maioria de vocês não terá.

*Parabéns por mais esse tiro no pé.

Bolsonaro: Servidores comissionados podem impor sigilo ultrassecreto a dados públicos

Publicado em Coluna Capital Digital, Informática, Política, Telecom.


Web Analytics