Skip to content


Não foi injustiça com o Vitor Menezes

Não tentem intrigar este blog com o secretário Vitor Menezes, taoquei?

Apenas dissemos que o ministro-astronauta Marcos Pontes poderá contar com ele em assuntos do mercado de Telecomunicações, como uma segunda opção.

Sabe-se lá? o assessor especial Maximiliano Martinhão pode ter um piripaque qualquer e talvez não possa trabalhar. Aí nesse caso o ministro pode chamar o Vitor, que é funcionário da Anatel e conhece os assuntos dessa área.

Na realidade o blog apenas comentou por uma questão deslocamento logístico. É mais fácil para o ministro Marcos Pontes chamar o Max, na sala ao lado, do que pedir que o Vitor compareça ao seu gabinete.

Tem que se levar em conta que o Vitor poderá estar, por exemplo, na Anatel, ajudando o amigo e presidente da agência, Leonardo Euler nos assuntos regulatórios. Isso pode demorar para ele voltar ao ministério para atender o ministro.

*Aliás, este blog não pode deixar de registrar que o presidente da Anatel deve estar morrendo de tanta alegria. Não é todo dia que ele pode contar com dois “anatelinos” no comando do MCTIC, ainda mais com o amigo Vitor. hahahahahahaha

Publicado em Coluna Capital Digital, Política, Telecom.


Web Analytics