Skip to content


Um Judiciário ruim já é uma coisa…

Um judiciário eleitoral ruim, aí é o pior dos mundos. Não fiscaliza, não investiga, não cria regras e depois da casa arrombada quer determinar o certo e o errado, mesmo sabendo que sua credibilidade está no chão. Só o TSE não sabia do potencial explosivo das eleições deste ano.

Barroso determina que empresas informem se foram contratadas pela campanha de Bolsonaro

Publicado em Coluna Capital Digital, Informática, Internet, Na Imprensa, Política, Telecom.


Web Analytics